22 de ago de 2008

EXEMPLO

Tem gente que assume um cargo público e a primeira coisa que faz é dizer que vai mudar tudo, que o antecessor fez tudo errado e etc. Outras pessoas assumem e usam o cargo para atrapalhar tudo aquilo que é diferente do que pensam. E tem gente, poucas, mas tem, que assumem o cargo e mostram resultados. Esse "nariz de cera" é para parabenizar ao amigo Beto Bertagna, superintendente do Iphan RO/AC, pelo serviço que está prestando ao patrimônio histórico de Rondônia. Três exemplos recentes: revitalização do Real Forte Príncipe da Beira; catalogação do acervo da extinta Estrada de Ferro Madeira-Mamoré e, agora, a recuperação da área do cemitério da Candelária, para permitir a visitação pública. Quem quer fazer, faz. Quem não quer atrapalha os outros.

Nenhum comentário: